Emma Watson, a favor do auto-prazer sexual




A atriz e feminista declarada, Emma Watson, causou controvérsia sobre a declaração que recentemente fez à jornalista Gloria Steinem, com quem ela confessou que se inscreveu no site Omgyes.com (que se traduz como “Oh, meu Deus, sim”) , uma página de conteúdo sexual focada na investigação do prazer das mulheres para educar os usuários sobre como aproveitar ao máximo na cama.

emma-watson-a-favor-do-auto-prazer-sexual-2

Esta plataforma cobra 29 dólares por mês e quando você se inscreve, você obtém um pacote de vídeos que ensinam técnicas para se masturbar e promover o orgasmo.

Watson confessou que ele desejava que ele estivesse nesse site por mais tempo e, embora ele considere que é algo caro, vale a pena.

Ele acrescentou que gostava que existam mulheres reais compartilhando experiências de como chegaram ao orgasmo, mas o que o surpreendeu mais estava recebendo vídeos táteis que ajudaram a melhorar a técnica.

“Quanto mais você sabe, melhor fica”, um dos slogans da página.

Além disso, o Dr. Kusnetzoff indica que, enquanto o clitóris é onde o orgasmo surge, devemos lembrar que o órgão mais erótico não é este nem a vagina, mas o cérebro se centra.

Então, você sabe, no seu próximo relacionamento, estimula o cérebro eo clitóris mais do que outras coisas. Você verá que seu parceiro irá agradecer.