Você sabe como reconhecer um medicamento falso?




A falsificação de medicamentos tornou-se um preocupante problema de saúde global que cresceu ao longo dos anos, envolvendo não só a ineficácia simples das drogas, mas também o sério risco de causar uma reação tóxica.

voce-sabe-reconhecer-o-medicamento-falso-2

Medicamentos falsos

O relatório mais recente da Organização Mundial de Saúde revelou uma estimativa de 10% de fármacos falsos em todo o mundo, no caso do México, presume-se que 4% do total são apócrifos (não autênticos).

A venda de medicamentos falsos gera um lucro de até 150 milhões de dólares em todo o mundo, de modo que as autoridades tomaram medidas preventivas e regulamentares para evitar a expansão do negócio.

No México, a Cofepris, juntamente com o SAT e a PGR, implementaram uma série de mecanismos para combater o mercado ilegal e garantir envios. Além disso, um maior número de medicamentos genéricos foram liberados, que vendem 61% mais barato nas farmácias e atendem 71% das doenças com maior taxa de mortalidade.

Algumas recomendações ao adquirir medicação são:

1. Reconheça a embalagem

Os medicamentos falsificados aparecem sem as especificações que, por lei, devem ter e com informações incompletas, às vezes o produto pirata é vendido solto ou em sacos plásticos pequenos.

2. Verifique o rótulo

De acordo com a legislação mexicana, todos os produtos farmacêuticos vendidos em nosso país devem ser rotulados em nosso idioma, aqueles que são rotulados em outro idioma são provavelmente falsos.

3. Não confie nos preços baixos

Preços excessivamente baixos para medicamentos patenteados são um indicador importante de que eles podem ser produtos falsificados.

4. Verifique as características do produto

Observe bem a cor, o sabor, o cheiro e a aparência usual do medicamento, estes podem dar indícios de produtos falsos.

5. Local de origem

A compra de medicamentos fora dos estabelecimentos autorizados ou que são vendidos em estradas públicas, nos mercados ou em locais não autorizados aumenta o risco de comprar medicamentos falsificados ou expirados.

Revisar medicamentos é tão importante como consumi-los. Cuide da sua saúde