Benefícios Da Raiz De Dente-De-Leão E Suas Folhas: A Comparação Definitiva

Benefícios Da Raiz De Dente-De-Leão E Suas Folhas: A Comparação Definitiva
O dente-de-leão é uma planta com várias reputações. É conhecido na cultura popular como capaz de nos dar desejos e, ao mesmo tempo, é considerado uma erva indesejável na prática da jardinagem.

No entanto, você sabia que tanto a raiz do dente-de-leão quanto suas folhas são carregadas com uma grande variedade de nutrientes e benefícios à saúde?

Além de ser rico em muitas vitaminas e minerais, o dente de leão também é fácil de obter, fácil de adicionar à sua dieta com um sabor particularmente delicioso.

O que é Dandelion?

O dente de leão, conhecido no mundo científico com o nome de Taraxacum officinale, é um tipo de planta que vem da Europa, Ásia e América do Norte.

É um membro da família das margaridas, portanto está relacionado a dálias, girassóis, alface, alcachofra, cardos e ambrosia.

Esta planta tem uma baixa quantidade de calorias, mas tem um alto teor de fibra, assim como vitamina K, vitamina A e vitamina C.

Dandelions geralmente produzem muitas pequenas flores amarelas chamadas buds, que juntas tendem a formar uma única flor. Uma vez terminada a floração, a flor seca e os botões caem formando sementes.

As sementes se dispersam quando o vento sopra, ou quando alguém faz um desejo e as sopra.

Embora o dente-de-leão seja visto frequentemente como uma erva intrusiva e irritante, pode ser muito benéfico tanto para a sua cozinha como para o seu armário de remédios.

Tanto a raiz como as folhas estão cheias de propriedades que beneficiam a nossa saúde e podem ser usadas para tudo, desde o chá de dente-de-leão a saladas muito nutritivas.

Leia o nosso guia sobre o chá de dente de leão: Para que serve, benefícios, efeitos colaterais (+ Receitas)

O que é melhor raiz de dente-de-leão ou folhas?

Tanto a raiz e as folhas vêm carregadas de nutrientes, e ambos são frequentemente utilizados como remédios naturais e ingredientes versáteis.

As folhas de dente-de-leão podem ser cozidas no vapor, salteadas ou até cruas. Eles têm um gosto de terra e azedo que pode ser o complemento perfeito para uma grande variedade de pratos.

A raiz do dente-de-leão, por outro lado, é geralmente moída e assada para ser usada como substituto do café ou para ser adicionada em bruto a certos chás de ervas.

Embora sejam usados ​​de maneira diferente, ambos possuem uma ampla gama de propriedades positivas para o corpo.

Tanto a raiz quanto as folhas dessa planta demonstraram ter benefícios de saúde bastante impressionantes e podem até ser de grande ajuda para impedir a progressão do câncer, reduzir o colesterol no sangue e ajudar a perder peso.

As propriedades da raiz de dente-de-leão

1. Pode destruir células cancerígenas

Benefícios Da Raiz De Dente-De-Leão E Suas Folhas: A Comparação Definitiva

Vários estudos mostram que a raiz de dente-de-leão pode ser de grande ajuda na prevenção e tratamento do câncer.

Um estudo realizado em 2011 pela Universidade de Windsor, no Canadá, foi dedicado a combater células de câncer de pele com extrato de dente de leão.

Os pesquisadores descobriram que em apenas 48 horas de tratamento, o extrato já havia começado a destruir as células cancerígenas.

Outro estudo publicado em Oncotarget mostrou que o extrato de raiz de dente-de-leão tinha a capacidade de matar 95% das células cancerígenas do cólon em apenas dois dias.

Outros estudos mostraram que a raiz de dente-de-leão pode ajudar no tratamento de leucemia, câncer de pâncreas, câncer de mama e câncer de próstata.

2. Reduza o colesterol

Benefícios Da Raiz De Dente-De-Leão E Suas Folhas: A Comparação Definitiva

O colesterol alto é uma das causas mais comuns de doenças nas artérias coronárias do coração.

Essa substância gordurosa pode se acumular nos vasos sanguíneos, fazendo com que as artérias se endurecem e encolham, o que torna o fluxo de sangue através delas mais complicado.

Mudar sua dieta é uma das maneiras mais simples de evitar o colesterol alto.

Isso, em combinação com a redução do consumo de alimentos altamente processados ​​e a troca deles por aqueles que são mais saudáveis ​​(frutas e vegetais), pode ajudar a reduzir o colesterol.

A raiz do dente-de-leão demonstrou ter a capacidade de reduzir os níveis de colesterol no sangue. Em um estudo realizado com coelhos, estes foram alimentados com uma dieta rica em colesteróis e receberam doses de raiz de dente-de-leão.

O dente-de-leão produziu uma redução nos colesteróis totais em coelhos, bem como nos seus triglicerídeos e colesterol ruim, enquanto gerou um aumento no colesterol bom (HDL). (6)

Quando combinado com atividade física freqüente e uma dieta saudável, comer uma porção de raiz de dente-de-leão pode ajudar a manter seu coração saudável e protegido de doenças.

Leia o nosso guia sobre colesterol bom e ruim: Qual é a diferença?

3. É Rico em Antioxidantes

Benefícios Da Raiz De Dente-De-Leão E Suas Folhas: A Comparação Definitiva

Os radicais livres são compostos que são formados em seu corpo como resultado de estresse, poluição e dietas pouco saudáveis. Com o tempo, o acúmulo de radicais no organismo pode causar danos às nossas células, assim como doenças graves.

Antioxidantes são compostos que podem ajudar a neutralizar os radicais livres e reduzir o risco de doenças cardíacas e câncer.

Estudos mostram que a raiz do dente-de-leão é especialmente rica em antioxidantes, o que pode ser uma das razões para seus muitos benefícios para a saúde.

Leia o nosso guia sobre os 5 melhores antioxidantes naturais

4. Promove a saúde do fígado

Benefícios Da Raiz De Dente-De-Leão E Suas Folhas: A Comparação Definitiva

O fígado é essencial em muitos aspectos da nossa saúde, é o corpo encarregado de filtrar toxinas do nosso corpo e metabolizar substâncias e medicamentos. Raiz de dente-de-leão é benéfica para o fígado, ajuda a protegê-lo e mantê-lo funcionando de forma eficiente.

Um estudo realizado pelo Departamento de Alimentação e Nutrição da Universidade Nacional de Chonnam, na República da Coréia, mostrou que o extrato de raiz de dente-de-leão é capaz de prevenir danos causados ​​ao fígado por intoxicações alcoólicas, tanto em células do fígado como nos ratos.

Esses efeitos protetores provavelmente se devem à grande quantidade de antioxidantes encontrados na raiz do dente-de-leão, bem como à sua capacidade de prevenir danos causados ​​pelos radicais livres.

Leia o nosso guia sobre os 16 sinais de que você tem problemas no fígado

5. Combata as bactérias 

Além de muitos outros benefícios à saúde, a raiz do dente-de-leão também possui propriedades antimicrobianas que podem ajudar a impedir o crescimento de bactérias que são prejudiciais à saúde e causam doenças.

Um estudo publicado na Phytotherapy Research realizado na Irlanda mostrou que a raiz de dente-de-leão foi particularmente eficaz contra certos tipos de bactérias que são responsáveis ​​por infecções por estafilococos e bactérias encontradas nos alimentos.

Embora mais pesquisas sejam necessárias, a raiz de dente-de-leão pode ser um remédio natural de grande ajuda no combate a infecções bacterianas.

Benefícios das folhas de dente de leão

1. Estimular a saúde dos nossos olhos

Benefícios Da Raiz De Dente-De-Leão E Suas Folhas: A Comparação Definitiva

As folhas do dente-de-leão são altamente carregadas com vitamina A, cumprindo uma cota de 112% das necessidades diárias deste em cada xícara.

A vitamina A é um nutriente muito importante quando se trata de saúde ocular. De fato, a deficiência de vitamina A pode causar perda de visão em alguns casos.

Pesquisa publicada no Journal of American Medical Association estudou 5836 idosos e mostrou que uma alta ingestão de vitamina A teve um efeito direto na redução do risco de desenvolver degeneração macular devido à idade.

Esta é uma doença capaz de produzir perda de visão.

A ingestão de folhas de dente-de-leão junto com outras frutas e vegetais ricos em vitamina A pode ajudar a manter os olhos saudáveis ​​e estimular uma melhora em nossa visão.

2. Diminua nosso peso da água

Benefícios Da Raiz De Dente-De-Leão E Suas Folhas: A Comparação Definitiva

Se seu objetivo é reduzir a inflamação e a retenção de líquidos no corpo, as folhas de dente-de-leão podem ser a ajuda que você está procurando.

Graças às suas capacidades diuréticas naturais, estas folhas podem aumentar a produção de urina, impedindo a acumulação de água no corpo.

Um estudo realizado pelo Departamento de Fitoterapia do Instituto Tai Sophia, em Maryland, mostrou que o consumo de extrato de folhas de dente de leão tem a capacidade de aumentar a frequência de micção urinária.

Esse foi o efeito produzido nos 17 participantes do estudo.

Além de estimular a perda de peso da água, as propriedades diuréticas das folhas de dente-de-leão também podem ajudar o fígado a eliminar as toxinas de maneira mais eficiente, além de prevenir infecções do trato urinário.

3. Ajuda na perda de peso

As folhas de dente de leão são extremamente baixas em calorias, elas só têm 25 por xícara. Eles também contêm uma boa quantidade de fibras, que produzem uma sensação de plenitude no corpo, impedindo-o de comer depois de horas.

Adicionar algumas porções de folhas de dente de leão em sua dieta pode ajudar a reduzir a fome e estimular a saciedade, duas qualidades que podem ajudar a perder peso.

Um estudo também descobriu que folhas de dente-de-leão podem inibir a absorção de gordura de maneira semelhante a alguns medicamentos destinados a perder peso. Estes impedem o funcionamento de uma enzima pancreática chamada lipase.

Este excesso é responsável por quebrar as moléculas de gordura no corpo. Neste estudo, o extrato de dente-de-leão diminuiu a atividade da enzima lipase em 86 por cento, estimulando uma maior excreção de gorduras.

Se você combinar folhas de dente-de-leão com uma rotina regular de exercícios e uma dieta nutritiva, poderá otimizar o processo de perda de peso e alcançar seu peso ideal rapidamente.

Leia o nosso guia sobre a diferença entre perder peso e queima de gordura

4. Diminua os Triglicerídeos

Benefícios Da Raiz De Dente-De-Leão E Suas Folhas: A Comparação Definitiva

Além de ajudar na perda de peso e inibir a atividade da lipase no pâncreas, as folhas de dente-de-leão também podem reduzir os níveis de triglicérides.

Triglicerídeos são um tipo de gordura encontrada na corrente sanguínea. Ter altos triglicerídeos no sangue é um dos maiores fatores de risco para doenças cardíacas.

As folhas de dente de leão foram mostrados para reduzir a ação da lipase, que também está associada com triglicerídeos, devido à sua função de dividi-los em ácidos graxos.

Isso produz uma maior excreção de triglicérides, o que diminui os níveis destes no sangue.

5. Proteja nosso fígado

Muito semelhante à raiz do dente-de-leão, as folhas desta planta também mostraram ter fortes propriedades capazes de proteger nosso fígado.

Um estudo de 2010 em animais mostrou que o extrato dessas folhas é capaz de prevenir danos oxidativos e reduzir tanto a inflamação quanto o dano ao fígado de ratos com doença de Sprague-Dawley.

Há também evidências crescentes para sugerir que a ingestão de alimentos ricos em antioxidantes, como o dente-de-leão, pode ajudar a reduzir os danos que os radicais livres causam no corpo e a prevenir doenças do fígado.

Dados nutricionais do dente-de-leão

Dandelion é rico em muitos nutrientes e também é muito baixo em calorias. Contém uma boa quantidade de fibras, bem como vitamina K, vitamina A e vitamina C.

Uma xícara de folhas de dente de leão cortadas (55 gramas) contém aproximadamente:

– 24,7 calorias
– 5,1 gramas de carboidratos
– 1,5 gramas de proteínas
– 0,4 gramas de gordura
– 1,9 gramas de fibra
– 428 microgramas de vitamina K (535% do valor diário)
– 5.588 UI de vitamina A (112% do valor diário)
– 19,3 miligramas de vitamina C (32% do valor diário)
– 103 miligramas de cálcio (10% do valor diário)
– 1,7 miligramas de ferro (9% do valor diário)
– 1,9 miligramas de vitamina E (9% do valor diário)
– 0,2 miligramas de manganês (9% do valor diário)

Folhas de dente de leão também contêm uma pequena quantidade de tiamina, riboflavina, niacina, vitamina B6, magnésio, fósforo, potássio, zinco e cobre.

Como encontrar raiz de dente-de-leão e folhas de dente-de-leão?

Eles podem ser encontrados nos jardins, bem como em supermercados e lojas de vegetais.

Embora seja seguro usar dandelions de seu próprio jardim, você deve evitar áreas onde pesticidas e herbicidas tenham sido pulverizados. Sempre certifique-se de lavar bem os dentes-de-leão.

Plantas com menos tempo tendem a ser menos amargas e macias. As folhas destas plantas podem ser preparadas como uma salada de folhas de dente de leão ou podem ser omitidas como um companheiro para um prato.

Você também pode cavar um pouco mais e usar a raiz de dente-de-leão, certificando-se de remover todas as hastes às quais ela pode estar conectada.

Lave a raiz muito bem, certificando-se de remover toda a terra e usá-lo para preparar um chá delicioso ou como um substituto calmante para o café.

Pílulas-raiz de dente-de-leão e extrato líquido disso também podem ser encontrados em muitas farmácias e lojas de saúde.

Se você considerar tomar suplementos desta planta, certifique-se de optar pela marca com a melhor reputação e com a menor quantidade de ingredientes adicionados e preenchimento.

Como usar o Dandelion?

Você pode usar folhas e raiz de dente-de-leão para uma variedade de receitas, desde molhos a sopas e muito mais.

Dandelion é bom para servir sauté ou cozido no vapor, como também pode ser adicionado a um guisado, um bolo ou um pão de milho. Também pode ser servido cru para dar um sabor mais amargo às saladas.

Por outro lado, a raiz do dente-de-leão pode ser encharcada para fazer um chá de ervas de dente-de-leão ou torrado e usado como substituto do café.

A história do dente-de-leão

Esta planta tem uma longa e rica história no uso medicinal. As origens do dente-de-leão como remédio natural remontam a 659 aC na China antiga.

Também foi usado em culturas árabes, galesas e européias, costumava ser comido cru ou como um tônico. Os usos tradicionais do dente-de-leão variaram de melhorar a digestão para curar o fígado.

Algumas tribos de nativos americanos costumavam mastigar a raiz desta planta para aliviar a dor, enquanto outras tribos preparavam as folhas com vapor e aplicavam-na diretamente para aliviar a inflamação da garganta.

Hoje, o dente-de-leão ainda é usado como um remédio natural para muitas doenças.

No entanto, também se tornou um ingrediente favorito em muitas cozinhas em todo o mundo devido à sua riqueza em nutrientes, benefícios para a saúde e sabor delicioso.

Avisos e efeitos colaterais Benefícios Da Raiz De Dente-De-Leão E Suas Folhas: A Comparação Definitiva

Dente de leão pode causar reações alérgicas em algumas pessoas quando é usado diretamente na pele.

Se você sofre de sensibilidade a outras plantas da mesma família (como camomila, ambrósia, margaridas ou cardo), é provável que você também seja sensível ao dente-de-leão.

Se você sofre de sintomas como inflamação, coceira ou vermelhidão, você deve parar de usá-lo imediatamente e conversar com um médico.

Dandelion tem um alto teor de vitamina K, que influencia diretamente a coagulação do sangue.

Se você estiver tomando medicamentos que afinam o sangue, você deve manter uma ingestão controlada de vitamina K para evitar interferir com sua medicação.

Como o dente-de-leão age como um diurético natural, pode afetar a excreção de lítio do corpo e causar um aumento nos níveis de lítio.

Verifique com seu médico se você está atualmente tomando lítio para determinar se o dente-de-leão é ideal para você.

Pode também que os seus efeitos no seu corpo diminuam a absorção e eficácia de certos antibióticos.

De descanso, em geral, os efeitos colaterais das folhas e da raiz do dente-de-leão são mínimos, por isso esta planta pode ser uma adição saudável e segura à sua dieta.